Category: Sem categoria

O Fenômeno do Crescimento Por Growth Hacking

O Fenômeno do Crescimento Por Growth Hacking

Entenda o fenômeno do crescimento deliberado de startups nos últimos tempos

 

Criado por Sean Ellis, Empreendedor e Investidor-Anjo, o título de Growth Hacker é usado para definir aquele que usa estratégias criativas e de baixo custo para ajudar empresas a adquirir e reter clientes. Por isso, geralmente a ideia do Growth Hacking é usada com startups em seu estágio inicial, onde precisam de crescimento maciço em pouco tempo com orçamentos pequenos.

 

Growth Hacking é um termo genérico para estratégias focadas exclusivamente em crescimento.

 

A palavra Hacking provavelmente te levou a pensar que, para ser um “Hacker de crescimento”, você devesse investir em uma faculdade de programação primeiro. Acredito que será um alívio saber que isso não é nem um pouco necessário.

 

Gagan Biyani, co-fundador da Udemy e Growth Hacker assumido: “muitas das descrições de growth hackers na web são desnecessariamente restritivas. Não acredito que eles devam ser engenheiros formais quando muitos dos growth hackers mais conceituados não codificam regularmente “.

 

Como Utilizá-lo Ao Seu Favor

Apesar do nome complicado, não é tão difícil seguir essa linha de planejamento. Primeiro, crie seu produto e faça testes para garantir que as pessoas realmente o desejam e estejam dispostas a pagar por ele. Isso ajudará você a coletar dados para entender melhor sua “clientela”, te dando direções táticas quando se trata de marketing de crescimento.

 

É assim que funciona aqui na Comunikar, por exemplo. É bom lembrar que a personalização do atendimento ao cliente também está em crescimento no marketing digital.

 

O sucesso de um growth hacker está na definição de objetivos precisos que alimentarão o objetivo geral de crescimento. Isso limitará a tentação de ampliar seu foco e maximizar o tempo que você pode gastar em algo mais certeiro e menos generalizado.

 

Marque presença ativa (e quando digo ativa, quero dizer diária, evite o spam) nas redes sociais. Crie também um site para trazer maior credibilidade para o seu negócio. Não é só de likes e popularidade que se vive uma marca. Consolide-a no mercado com informação de fluxo.

 

Fique ligado nos dados de feedback. Como anda o retorno das suas vendas? Quantas pessoas você anda alcançando? Qual o seu público atual (acredite, ele pode mudar)? O que você pode melhorar para alcançar ainda mais? Estacionar na zona de conforto vai contra a lei do Growth Hacking, que se alimenta na ideia do crescimento rápido e constante.

 

Isso é Tudo Que Eu Preciso?

Não, na verdade não. Veja bem: growth hacking não substitui o marketing digital. Na verdade, longe de serem entidades independentes, o growth hacking e o marketing digital estão intrinsecamente vinculados. A mentalidade compartilhada por trás de ambos circula a ideia da experimentação, da criatividade e do planejamento a fim de alcançar objetivos.

 

Marketing Digital vs Growth Hacking

Nas startups, o growth hacking é um fator que pode ser cultivado dentro de uma equipe de marketing. Nas organizações maiores, pode haver um contingente de crescimento separado entre funções. De qualquer maneira, essas duas são especialidades muito complementares. A real diferença é como elasa procuram alcançar seus objetivos.

 

Um profissional de marketing pode usar o engajamento para analisar uma meta geral de conscientização de uma marca. Um growth hacker, em comparação, pode estabelecer uma meta de aumentar o compartilhamento social em 50%. Ou seja: as atividades de marketing podem ter um foco amplo que abrange qualquer parte do funil, enquanto o growth hacking depende da definição de metas altamente definidas para um resultado específico e singular.

 

 

Read More
13 de fevereiro de 2020

Funcionário deleta empresa inteira com um clique

parallaxbgcut.jpg

Uma única linha errada de código foi o suficiente para um funcionário deletar uma empresa inteira. O programador Marco Marsala acidentalmente mandou o computador apagar todos os arquivos que existiam em seus servidores. A empresa de Marsala hospeda sites de 1.535 clientes, que também foram deletados.

 

A ordem infame era “rm –rf”, bastante conhecida entre profissionais da área de computação por seu poder destrutivo. As letras “rm” significam “remover”, “r” deleta tudo em um diretório e “f” significa “força”, ou seja, ordena que o computador ignore os avisos que perguntam se o usuário tem certeza que deseja deletar aquele arquivo.

 

Até os back-ups foram apagados, de acordo com Marsala, que escreveu pedindo ajuda em um fórum para desenvolvedores após literalmente deletar a empresa.

Como já era de se esperar, ele recebeu críticas pela segurança falha de seu sistema.

 

Segundo as respostas no fórum, há poucas chances de recuperar os dados. O que resta, agora, é avisar todos da empresa e seus clientes e buscar um advogado, comentaram outros profissionais do ramo no fórum.

 

Se você é programador, ou pelo menos tem contato com esse tipo de coisa, vai uma dica: sempre cheque duas vezes. Você não vai querer deletar sua empresa também, né?

 

Fonte: Exame

Read More
18 de abril de 2016

Google Adwords e sua Importância: entenda sua função

Google Adwords – Entenda a Função

Google Adwords, a plataforma de anúncios do Google, é a maior da internet. Graças à onipresença do buscador e à quase infindável rede de sites parceiros, saber usar bem a ferramenta pode ter um peso decisivo para quem quer tirar proveito da publicidade online.

O Google Adwords é uma ótima ferramenta para todas empresas que desejam ser encontradas facilmente através do mecanismo de busca do Google e vamos explicar como ele funciona.

Ao escolher quantas palavras-chave quiser, sem número mínimo, que estiverem relacionadas ao tipo de empreendimento, o anúncio será exibido. A empresa pode segmentar a campanha do Adwords por tipo de públicos alvo, tipo de web site ou remarketing. Os anúncios ainda podem ser segmentados para clientes em determinadas localizações, sejam países, cidades, bairros ou quarteirões de distância. O anúncio é criado pela empresa, sejam textos ou imagens, transmitindo a mensagem que desejar. A ferramenta permite ajustar os anúncios, fazer testes com novos termos, pausar a campanha e reiniciá-la sem custo.

O que faz o Google Adwords ser reconhecidamente uma boa opção é o fato de que no Google as pessoas estão buscando ativamente soluções para problemas ou dúvidas que possuem. Se a sua empresa consegue ter uma oferta assertiva para essas dúvidas, meio passo já está dado para gerar oportunidades reais de negócio via este canal.

Apenas paga-se pelo número de cliques no anúncio e não pela exibição do mesmo. É a empresa que decide quanto paga por clique. Os anúncios funcionam como leilões, onde, entre outros fatores, tem uma melhor posição quem pagar mais por clique. Permitindo assim maior controle sobre o orçamento e o número de acessos com determinado orçamento. Não é necessário um gasto mínimo diário. Indiferente do número de cliques e da variação diária, a campanha permanece online.

O Adwords oferece relatórios com todos detalhes sobre registros, vendas reais geradas como resultado direto do anúncio, quantas pessoas viram os anúncios, qual a porcentagem de cliques, preços por clique, taxas e preços de conversão, número de pesquisas pelas palavras-chave, posição média do anúncio, etc.

Uma excelente estratégia para aumentar a divulgação da sua empresa, marca ou serviço é a utilização em conjunto de anúncios do Google Adwords com anúncios no Facebook Ads.

Conheça os trabalhos que desenvolvemos com Google Adwords aqui nessa página.

Read More
15 de abril de 2016